Adotar tecnologias de casa inteligente se tornou importante para os construtores


Novos empreendimentos residenciais oferecem uma excelente oportunidade para incorporar recursos de casa inteligente desde o início para aumentar o seu valor e diferenciar os produtos da concorerncia.

No evento Connections 2022 , que acontece em maio nos Estados Unidos, será apresentado um estudo (alguns dados no gráfico abaixo) e um grupo de  construtores inovadores vão compartilhar ideias sobre a utilização de sistemas de automação residencial  como padrão e atualizações em novos empreendimentos, além de discutir o potencial da tecnologia de voz como uma interface para uso geral nas casas. Também serão discutidas novas oportunidades de parceria com fornecedores de produtos e serviços durante a construção de residências.

Abaixo uma constatação levantada pela Parks Associates, promotora do evento e que será objeto da discussão. Um dos principais pontos a considerar é a liderança do item "tecnologias de casas inteligentes" mesmo em relação a outros itens extremamente importantes, que estão também relacionados na pesquisa.



Mercado de dispositivos para casa inteligente cresce a dois dígitos


A IDC indica que o mercado de dispositivos para casa inteligente cresceu 11,7% em 2021 e espera que mantenha um crescimento a dois dígitos até 2026

O mercado mundial de dispositivos domésticos inteligentes cresceu 11,7% em 2021 em comparação com 2020, com mais de 895 milhões de dispositivos vendidos, de acordo com o Worldwide Quarterly Smart Home Device Tracker da IDC.

Apesar da volatilidade do mercado devido à pandemia e o seu impacto nas cadeias de valor, bem como nos choques do lado da procura, a IDC antecipa que o mercado mundial de dispositivos para casa inteligente vá assistir a um crescimento constante nos próximos cinco anos, à medida que os usuários expandem os seus ecossistemas domésticos inteligentes e procuram experiências conectadas mais sofisticadas.

O crescimento do mercado também será impulsionado pela alta penetração da banda larga e pelo número crescente de redes domésticas sem fio, embora as preocupações dos consumidores com privacidade, segurança, custos e interoperabilidade possam restringir o desenvolvimento do mercado no futuro próximo.

“A noção de ‘casa inteligente’ é verdadeiramente mainstream em muitas partes do mundo, atualmente”, explica, em comunicado, Adam Wright, analista de pesquisa sénior da unidade de Internet of Things: Consumer, da IDC. “Os dispositivos de casa inteligente mostraram o seu mérito durante a pandemia por agregar valor significativo à vida das pessoas em casa, como facilitar o isolamento social, aumentar a segurança doméstica e oferecer conveniência e entretenimento, entre outros benefícios. O mercado está pronto para um crescimento sólido, apesar das interrupções contínuas das cadeias de valor, logística e economias desiguais em todo o mundo”.

Volume de vendas, quota de mercado e CAGR 2021-2026 das categorias de dispositivos domésticos inteligentes

Categoria de ProdutosVendas 2021Quota de Mercado 2021Vendas 2026*Quota de Mercado 2026*CAGR 2021-2026
Entretenimento310,735%374,326%3,8%
Segurança/monitoramento doméstico184,821%30621%10,6%
Controle de Iluminação85,710%246,817%23,6%
Outros314,635%513,336%10,3%
Total895,7100%1.440,3100%10%


Nota: (*) Números para 2026 são uma previsão; Unidades vendidas em milhões.
Fonte: IDC Worldwide Smart Home Device Tracker, 25 de abril de 2022

Inovações em casa inteligente e segurança focam na "paz de espírito"​

Fonte: Parks Associates

A indústria de segurança usa a frase “paz de espírito” para destacar um benefício emocional primário dos serviços de segurança, sem criar medo indevido no consumidor. À medida que a adoção de dispositivos conectados aumenta, fabricantes e integradores têm uma tremenda oportunidade de capitalizar benefícios emocionais semelhantes, aproveitando várias maneiras pelas quais esses ecossistemas de produtos podem fornecer experiências novas e valiosas aos consumidores.

As pesquisas com consumidores da Parks Associates constatam consistentemente que a tranquilidade está entre os três principais benefícios da casa inteligente que mais influenciam a compra, um pouco abaixo da conveniência e do conforto. Os provedores de serviços de segurança podem aproveitar o desejo de tranquilidade dos consumidores e desenvolver outras ofertas que atendam a esse valor.


Produtos inovadores que aumentam a tranquilidade dos consumidores de segurança doméstica criam novas maneiras de capitalizar os benefícios da conectividade. Por exemplo, sensores externos estendem o sistema de segurança residencial para toda a linha da propriedade, enquanto complementos veiculares integram informações de localização, diagnóstico e comportamento do motorista aos alertas e ações do sistema de segurança.

À medida que os recursos do produto se expandem, novos serviços de monitoramento além da segurança estão aumentando, incluindo defesa proativa por meio de análise de vídeo, aprimoramentos de sistemas de resposta a emergências pessoais (PERS), monitoramento de uso de energia e proteção de ativos valiosos, como veículos e equipamentos eletrodomesticos. A integração entre serviços de vídeo, controle de acesso e automação residencial continuará a crescer nos próximos anos. Uma abordagem empática à inovação ajudará o as emrpesas do setor a oferecer os benefícios que os consumidores mais valorizam.

O progresso feito pela conectividade, inteligência artificial, análise de vídeo e integração entre produtos aumenta as aplicações, os tipos de serviços e o valor geral das soluções de casa inteligente para os consumidores. Os recursos estão se expandindo além dos pontos de acesso tradicionais, abrindo novas oportunidades para ajudar a transformar a casa inteligente em uma experiência cada vez mais personalizada, preditiva e proativa.

As expectativas dos consumidores para seus dispositivos e serviços domésticos continuarão a se expandir em paralelo com suas capacidades, abrindo mais portas para integrar novos serviços de monitoramento em casa. O futuro é brilhante para as empresas que reconhecem o valor da escolha e as oportunidades de criar aderência e engajamento adicionais por meio de novos serviços aos consumidores.

Esta pesquisa é um trecho do novo relatório da Parks Associates, Value Beyond Home Security: Expanding Product Ecosystems, publicado em parceria com Alarm.com. Este whitepaper aborda a expansão dos serviços profissionais além da segurança doméstica, impulsionada pelo crescimento de dispositivos conectados, novas tecnologias e ofertas unificadas de provedores de serviços profissionais e soluções do tipo"faça-você-mesmo". 

Acesse o relatório completo (original em inglês) clicando na imagem abaixo: 




Inovações em tecnologia de casa inteligente apoiam uma vida mais segura, saudável e amigável ao envelhecimento

 

Autora: Jamie Gold
Tradução de artigo publicado na Forbes 

A tecnologia smart home vem ganhando aceitação nos lares americanos nos últimos cinco anos, com a pandemia dobrando o uso, de acordo com pesquisa citada no Security Infowatch em maio de 2021. Embora as preocupações permaneçam, especialmente entre os adultos mais velhos, usuários de todas as idades estão vendo as vantagens que esses serviços oferecem, inclusive para sua saúde, segurança e bem-estar.

 Benefícios de Saúde e Segurança

O Dr. Azizi Seixas, diretor fundador do Media and Innovation Lab da Universidade de Miami, vê muitas vantagens que a tecnologia traz para os pacientes, inclusive como auxílio para o gerenciamento de doenças crônicas; apoiar comportamentos saudáveis, como sono, atividade física e dieta; conectar e apoiar os idosos que envelhecem em casa; detectar e capturar dados em configurações reais, não inventadas; alterar ambientes para torná-los mais propícios à saúde e bem-estar, facilitando a telemedicina e tratamentos mais personalizados; detectando quedas e outras emergências mais rapidamente e, em geral, simplificando a vida e as tarefas dos usuários.

Quedas e emergências em casa são questões-chave. Ryan Herd, CEO da Caregiver Smart Solutions, uma empresa de integração de tecnologia com sede no norte de Nova Jersey, aborda para seus clientes. “Quando nossos entes queridos vão para casa, você não tem ideia do que está acontecendo, e quando você pergunta: ‘'Mãe, como você está?' você sempre recebe 'Estou bem', mas como você pode ter certeza?" ele compartilha.

Herd rastreia as tecnologias disponíveis hoje e integra sistemas nas casas de seus clientes para tornar a vida independente mais segura e fácil. No momento, ele está otimista com a tecnologia de sensores proativos para uma vida independente. “Permitimos isso usando pequenos sensores não invasivos que fornecem informações para um aplicativo”, explica ele. Isso permite que os cuidadores saibam se ocorreu uma queda, se um ente querido não saiu da cama no horário normal ou se há um problema com uma porta, eletrodoméstico etc. “Nossos entes queridos não querem ser espionados ligados com uma câmera em casa, e eles não estão usando um botão de emergência.” Se eles caíram e não conseguem se levantar, a tecnologia da Herd alertará rapidamente um cuidador.

Seixas aponta algumas inovações amplamente disponíveis que ele está vendo ter um impacto positivo no bem-estar. “A indústria do sono decolou durante a pandemia”, observa. “O Colchão de Ar Coway Smart Care possui um purificador de ar integrado, umidificador, dispensador de aroma e luzes de escurecimento automático. Essa solução para a cama vai criar o ambiente certo para induzir o sono”, comenta.

O médico elogia os termostatos digitais, que também podem apoiar o sono saudável, e “a geladeira Family Hub da Samsung”, que ele observa, “ajuda as famílias no planejamento de refeições e escolhas alimentares saudáveis”. Seixas observa que o GeniCan, que ajuda a construir listas de compras por meio da digitalização de embalagens de alimentos antes de irem para o lixo ou lixeira, pode ser uma ferramenta adicional de planejamento de refeições.

A designer de interiores Jennifer Stoner, com sede em Richmond, Virgínia, integra regularmente a tecnologia em seus projetos residenciais, relata ela. “Na maioria das vezes, somos solicitados a incorporar controle de iluminação, tecnologia audiovisual e de som. 

Um sistema que o integrador de tecnologia de Stoner trouxe para seus projetos é o Darwin da Delos, diz ela. O designer gosta que incorpore monitoramento da qualidade da água e do ar e iluminação circadiana para apoiar o sono e a energia. “A plataforma Darwin inclui uma função 'Dawn Simulation' que fornece uma sequência de iluminação calibrada de forma única que imita o sol nascente. Esta é definitivamente uma maneira mais pacífica de começar o dia do que um alarme estridente”, acrescenta ela. “O que contribui para mais bem-estar no seu dia do que um começo e fim pacíficos?” 

Desvantagens da tecnologia

Nem tudo é cor-de-rosa e problemas também podem surgir. Seixas observa que a privacidade e a segurança dos dados podem ser comprometidas; a heterogeneidade entre os dispositivos e as deficiências da infraestrutura de rede de uma casa podem levar a problemas de uso; alguns produtos levaram à exposição excessiva à luz azul e problemas relacionados ao sono e dor de cabeça; a dependência da tecnologia pode prejudicar a capacidade de memória e processamento de informações, e alguns indivíduos sofrem de tecnofobia, acrescenta o médico.

“Haverá um período de adaptação que algumas pessoas alcançarão, enquanto outras não. Atualmente, os sistemas de saúde não têm programas de treinamento para aumentar a alfabetização digital de seus pacientes que podem se beneficiar das tecnologias de casa inteligente”. Stoner concorda que é necessária mais educação do consumidor. Há tantas inovações que podem ajudá-los a serem mais seguros e saudáveis. Eles podem envolver uma curva de aprendizado, mas não são intransponíveis para a maioria.

Algumas das maiores preocupações estão relacionadas ao roubo ou venda de informações pessoais. Herd as ouve de seus clientes mais velhos, diz ele. “Estamos todos preocupados com nossa privacidade e para onde nossos dados vão.” Sua abordagem, e a de outros integradores de tecnologia profissionais, é especificar pacotes que não estejam vinculados à monetização de dados. “Ao escolher os fabricantes corretos, criptografar os dados e usar senhas fortes, podemos nos proteger”, aconselha.

Stoner conta com um sistema chamado Josh.ai. “O sistema ativado por voz combina todos os recursos com fio em sua casa. Traz-lhe conveniência sem preocupações de privacidade; Josh promete que seus dados nunca serão vendidos para fins de marketing.” O designer diz que também é mais robusto do que outras plataformas de controle de voz, oferece melhor cognição para evitar momentos difíceis e se integra a dispositivos e outros sistemas domésticos inteligentes populares.

Influência da Pandemia

Seixas vê o COVID desempenhando um papel importante no crescimento da tecnologia de casa inteligente. Com as pessoas gastando mais tempo fazendo mais atividades em casa, principalmente trabalhando, ter esse espaço propício à promoção da saúde precisa ser uma prioridade maior, afirma. “Os lares devem promover o bem-estar emocional e a saúde física. Casas inteligentes são frequentemente usadas para aumentar a eficiência e reduzir o estresse. Um caso de uso importante é melhorar a qualidade do ar por meio de monitores e sistemas HVAC. Isso pode testar o ar que respiramos e reduzir a exposição a poluentes e vírus do ar”.

Stoner também espera ver o uso de tecnologia doméstica inteligente aumentar após a pandemia. “Parece que nossas casas deveriam estar no topo da lista de áreas onde esperaríamos melhorar a tecnologia. E acredito que as plataformas com controle de voz também ajudarão aqueles em seus últimos anos a se sentirem menos intimidados”, prevê. “Nossos clientes mais antigos são mais propensos a adotar todos esses maravilhosos aprimoramentos se puderem simplesmente falar em linguagem natural com a tecnologia, em vez de se preocupar com qual botão apertar.” 

Inovação futura

“O Media and Innovation Lab, desde a pandemia, impulsionou várias inovações em torno do monitoramento remoto da saúde com o uso de dispositivos de tecnologia digital”, diz Seixas. “Lançamos nossa solução de monitoramento remoto de saúde chamada The MIL Box.” Além de wearables, o Box inclui tecnologia de casa inteligente como balança inteligente, monitor de luz, dispositivos rastreadores de qualidade do ar e monitor de som/ruído para rastrear o estado de saúde dos indivíduos”.

Stoner espera ver mais inovação tecnológica em cozinhas e banheiros, diz ela. Isso provavelmente incluirá jardins hidropônicos para o cultivo de fontes de alimentos, recursos para criar retiros de spa no banheiro, como chuveiros de vapor inteligentes e avanços na tecnologia de higienização de superfícies e poluentes do ar.